quinta-feira, 15 de março de 2012

Chuva causa transtornos na capital gaúcha

Instituto registrou 77,8 milímetros de chuva na capital gaúcha até as 17h, ruas alagadas, casas inundadas, trânsito congestionado e até aulas suspensas.
Gostaria que os prefeitos lá da minha região, os defensores de asfalto, estivessem hoje em Porto Alegre, durante a chuva. Foi realmente intensa, mas sabe-se que o asfalto tem absorção zero, enquanto o calçamento de paralelepípedos absorve no mínimo 20%  da água das chuvas. Nem vou comentar a respeito dos lixos que entopem boeiros e corregos, isso todos já sabem, apesar de continuar jogando, "só esse papelzinho de bala ou garrafinha de água" pela janela do carro. As consequências estão aí. Somatório de ruas sem escoamento e canalizações entupidas.




Fotos: https://www.google.com.br/search?tbm=isch&hl=pt-BR&source=hp&q=chuva+em+porto+alegre&gbv=2&biw=1024&bih=358&sei=Xy1hT8ysNYeMgweR-c3eAg

Nenhum comentário: