segunda-feira, 5 de julho de 2010

Dona Ayda Prefeita?

Com  praticamente esse mesmo título, está no blog do Júlio Prates, achei válido, muito válido retomar aqui a matéria, que fala a respeito de um grupo de políticos de Santiago, estar fechando consenso no sentido de lançar a candidatura da professora Ayda Brum como candidata a prefeita de Santiago. Em nenhum momento refere-se a vontade dela, ou algum interesse demonstrado pela mesma.  Mas, em articulações vindas do PDT, em torno de seu nome. Minha opinião, a princípio de conversa, tem pouquissíma ou nenhuma importância, mesmo assim, como moramos num país democrático, criei esse espaço com intuíto de opinar, lá vai: acho bem possível e bastante viável. Vejo dona Ayda, como uma guerreira, uma sonhadora que não mede esforços para atingir seus objetivos, pelo que sabemos os busca de forma justa, e coerente. É uma pessoa bem popular, tem condições sim de ser não só candidata, como de ser eleita. Agora, é claro, que não basta ser candidata apenas do PDT, tem de ser  de toda oposição. O único  partido forte o suficiente para encarar eleições sozinho é o que está administrando hoje. A oposição pode escolher, ser oposição a vida inteira, lançando cada partido um candidato, ou virar situação, engolindo o egocentrismo, e se focando em alguém com condições não apenas de se eleger, mas de administrar bem se for eleito.
Transcrevo ainda o poema de Oracy Dornelles,  sempre com uma idéia brilhante para cada situação:

Começou rsrsrsrsrsrs

Desta vez será eleita.

"Coronéis" serão vencidos.

Vamos todos muito unidos --

Dona AYDA será Prefeita!

(Oracy Dornelles)

Nenhum comentário: