quarta-feira, 15 de outubro de 2008

...E a vida volta ao normal....

Acabaram as tão esperadas eleições municipais. Sou funcionária pública do muncípio de Capão do Cipó, naturalmente fiz parte do pleito desse município. Nos separamos em grupos e levantamos nossas bandeiras idealistas, que a partir de agora devem ser subsituídas pela bandeira igualitária a todos os municipes, que é a bandeira do nosso Município. Muito vi e ouvi durante a campanha, a prudência me impede de fazer maiores descrições. Certamente me decepcionei com vários fatos. O que não podemos é fazer disso uma guerra, acabou. Os candidatos com maior aceitação estão eleitos. Numa eleição não há perdedores nem vencedores, há homens e mulheres escolhidos pelo povo para representá-los. E com o dever moral e cívico de bem fazê-lo. Eu como funcionária da prefeitura, continuarei fazendo parte da nova administração e fazendo o que estiver ao meu alcance para que as expectativas da comunidade sejam supridas.
****************
Não posso deixar de registrar o fato que me deixou profundamente decepcinada e magoada, não sabemos ao certo em que noite, mas sabemos que entre a quinta-feira antes das eleições até a segunda-feira pela manhã, as máquinas que haviam sido deixadas no pátio da prefeitura foram sabotadas, foi colocado açúcar nos motores. Quando funcionaram na segunda pela manhã, notou-se os problemas, alguns motores fundiram, um prejuízo estimado em R$ 150.000,00, o que daria para construir mais de 10 casas populares. Dói saber que em nossa comunidade há uma mente extremamente pequena capaz de um ato desse tipo. É dinheiro público, dinheiro nosso, pago centavo a centavo de nossos impostos. Dói mais em pensar, que o sabotador, está entre nós, pode ser qualquer um que cumprimento na rua, aperto a mão e tomo como amigo, pois aqui todo mundo se conhece e consideramos a grande maioria como amigos. Isso é caso para a justiça. E acredito que a polícia saberá como encontrar o ou os culpados. Ainda acredito na justiça.

Nenhum comentário: