segunda-feira, 15 de outubro de 2007

ExpoSantiago e Festival da Música Crioula

Foram quatro dias de exposições do comércio, indústria, agropecuária e arte, reunidos no Complexo Poliesportivo Aureliano de Figueiredo Pinto. A maior feira da nossa região e uma das maiores do estado, uma excelente oportunidade para fazer negócios, divulgar marcas e ampliar a carteira de clientes. Para os comuns como eu, um convite para sair de casa, ver gente, rever os conhecidos e ouvir música. A maior parte do tempo que estive na feira, passei na praça de alimentação, assisti aos desfiles e o festival. Adoro festivais, mas gosto de estar bem acomodada, acompanhar todas as músicas, o ambiente não ajudou em nada quanto a isso. Haviam algumas cadeiras reservadas em frente ao palco para as autoridades e imprensa, o restante do espaço era divido entre os poucos interessados no festival e os esfomeados lanchando e bebendo, conseguir uma cadeira era uma questão de sorte, tive sorte, pois sentei nas reservadas, o mesmo não aconteceu com os pais dos concorrentes do infanto-juvenil, que ficaram na torcida em pé do lado de fora do cercado.

Nenhum comentário: